O tratamento que damos é o que somos

Recentemente vi um video que falava de relações tóxicas. Aquele video fez muito sentido na minha cabeça – no passado, no termino da relação, eu vivi uma relação tóxica.

Quando estamos a conhecer alguém, é normal querermos impressionar o outro da melhor forma. Por vezes até escondemos aquilo que achamos serem os “nossos podres“. Acabamos por não prestar grande atenção à pessoa que estamos a conhecer, mas o bom é ser astuto.

Se não olharmos com bons olhos, não sabemos que estamos a entrar em algo tóxico.

Se a pessoa que conhecemos é agressiva para com outras, é bem provável que num futuro ela seja para connosco.

No inicio de uma relação tentamos sempre impressionar o parceiro. Tudo parece um mar de rosas por causa disso. Se tratarmos mal as pessoas a que damos como garantidas, a pessoa que poderá vir a ser garantida terá fortes probabilidades de receber esse mal trato sambem, num futuro próximo.

À que conjugar o coração  com a mente e encontrar o melhor equilíbrio, tentando perceber onde devemos de estar.