Dark Light

It’s a Sin

Uma minissérie de cinco episódios que retrata uma realidade homossexual dos anos 80, onde o crescente infetados de viros HIV era uma realidade, sem se saber qual era o tratamento.

O elenco está muito bem escolhido. O argumento bem delineado e, por isso, leva-me a dizer que tinha grandes hipóteses de até ter sido um acontecimento real.


Via série na HBO, ela é uma produção britânica do Channel4. Uma serie de tema pesado, que retrata a SIDA em grande plano.

Sobre a mini-série

A história começa em setembro de 1981, quando as vidas de cinco amigos convergem até um apartamento na cidade de Londres. Porém uma ameaça distante significa que a vida nos anos 80 pode ser bastante preciosa. Da-se entrão, nessa altura o drama da série em redor no HIV.

A série retrata a homossexualidade daquela altura e, para ser franco, não sei até que ponto nos dias de hoje possa ser tão diferente…

O tema SIDA não é daqueles que me aconchega, nem tão ponto a junção de SIDA com Homossexualidade. Nunca achei piada a rotulação que a culpa de haver tantos casos é da minoria homossexual.

Pela história que nos é apresentada, pelos protagonistas destaco em especial a atriz Lydia West, que faz de Jill Baxter na série. Ela acabou por ter o peso total e a mensagem principal do argumento. Por todo o contexto, tanto histórico como temático, em relação à pontuação; dou-lhe nove, numa escala de zero a dez.

Uma série que merece ser vista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts